Como o branding pessoal de Rihanna influenciou o sucesso nos negócios

by , 28/05/2019 //

Oi, pessu! Hoje queremos falar um pouco sobre o posicionamento digital consolidado e respeitado da cantora Rihanna e como isso resultou em uma super parceria.

“Obrigada Mr. Arnault por acreditar nesta pequena  garota do lado esquerdo de uma ilha”.

Foram com essas palavras que Rihanna anunciou seu novo triunfo: ela é a primeira mulher a criar uma marca original com o maior grupo de artigos de luxo do mundo: a LVMH, detentora de grifes como Louis Vuitton, Christian Dior e Givenchy.

Esse feito é histórico. Para nós, mulheres empreendedoras, significa muito. E ainda mais representativo e empoderador do que ser a primeira mulher a ter essa conquista, é ser uma mulher negra e caribenha desbravando uma indústria tão restrita.

A nova maison (loja) será sediada em Paris, e terá suas primeiras coleções apresentadas em breve. Tudo indica que será uma linha de roupas, sapatos e óculos. “Todos sabem que Rihanna é uma cantora incrível, mas com nossa parceria na Fenty Beauty, descobri uma verdadeira empresária, CEO e incrível líder. Ela naturalmente encontra seu lugar de direito na LVMH”, disse Bernard Arnault, presidente e diretor executivo do grupo.

Bernard Arnault e Rihanna

O talento de Rihanna como cantora e estrela pop é indiscutível. Sua voz única, sua presença de palco e seu carisma a levaram a vender mais de 54 milhões de álbuns e conquistar 8 Grammys. Mas RiRi está sempre em busca de novas conquistas, e elas vão além da música.

Com a sua marca de cosméticos, Fenty Beauty, lucrou mais de U$ 500 milhões no ano passado, segundo a WWD, perdendo apenas para a gigante MAC. Com a Fenty, também alcançou parcerias milionárias com marcas como PUMA e Savage. Esses números impactantes alcançados pela diva de Barbados nos últimos anos foram, obviamente, determinantes para chamar a atenção da LVMH.

Rihanna, LVMH, Fenty Beauty

Com a Fenty PUMA, Rihanna apresentou uma possibilidade de “ser como ela”. Uniu a high fashion a um estilo democrático e se legitimou como designer e grande visionária nos negócios da moda. Com a Fenty Beauty, influenciou marcas e pessoas por prestar atenção em mulheres reais e valorizar a diversidade.

O diferencial das marcas administradas por Rihanna está principalmente na inclusão. Nas passarelas, corpos de todos os formatos e biotipos. Nas maquiagens, mais de 40 tons, para todas as cores de pele. Ela se preocupa em dar às pessoas o que elas querem. As marcas fundadas por ela têm o propósito de trazer um senso de comunidade e pertencimento.

E esse senso começa pelo Instagram: o perfil, que conta com mais de 7 milhões de seguidores, costuma repostar imagens dos consumidores e surpreender fãs com a possibilidade de receber produtos gratuitos.

O empoderamento que a cantora e a Fenty representam caiu como uma luva para a LVMH, acostumada a apresentar modelos esqueléticas e totalmente padronizadas em seus desfiles e anúncios. A multimarcas de luxo sabe que os tempos são outros, a moda pede por  inclusão. E não há ninguém com mais autoridade e propriedade dentro da indústria da moda e do entretenimento para representar uma mudança nesse sentido do que Rihanna.

Não podemos ignorar o fato de que a consolidada marca pessoal que Rihanna construiu ao longo dos quase 15 anos de carreira foi determinante para o sucesso nos negócios. Mas isso não seria suficiente se ela não criasse e gerenciasse tão bem o seu branding como empreendedora, sempre alinhado e coerente às atitudes dela como artista. 

Ela está atenta a cada processo e cada passo dado pelas marcas que comanda: para garantir que as ideias de força feminina, representatividade e inclusão esteja presente em todas elas.

Mesmo contabilizando mais de 70 milhões de seguidores, Rihanna não está entre as celebridades mais seguidas do Instagram. Mas, mesmo assim, está entre as que conquistaram algo melhor: posicionamento digital consolidado e respeitado. O motivo? Mais do que talento, fama ou beleza ela projeta ali um conteúdo muito pessoal e real e leva a sério aquilo que os seguidores estão pensando e comentando.

Não é raro ver comentários de fãs respondidos por ela ou até mensagens inbox enviadas por ela via Twitter. Essa sensação de proximidade, de gente como a gente e de humanidade, sempre esteve presente no branding pessoal que Rihanna construiu.

@lvmh x @badgalriri = @fenty A LVMH anuncia o rápido lançamento de uma nova loja de luxo, desenvolvida por Robyn Rihanna Fenty. A jornada começa em www.fenty.com

 

Ao entrar para o Grupo LVMH, Rihanna garante um lugar definitivo entre figuras icônicas e tem em mãos a oportunidade de transformar a indústria da moda e do luxo. Em seu Instagram, RiRi afirmou que “Está pronta para o mundo ver o que estão construindo juntos”. Nós também estamos prontos, ansiosos e orgulhosos dessa conquista histórica.

Quer saber sobre o poder do branding pessoal? Você precisa fazer parte da SEMAP – A Semana da Marca Pessoal da nossa escola de branding @efeitoorna Para se inscrever e receber 7 dias de conteúdo exclusivo, ter acesso à masterclasses e talks imperdíveis com grandes influenciadores, CLIQUE AQUI.