Marketing de Influência: a estratégia que ressuscitou o Snapchat

by , 20/05/2019 //

Oi, pessu! Vamos te fazer uma pergunta: você já usou o filtro de bebê ou da troca de gênero no Snapchat? Esse filtro está sendo a febre do momento e já fez com que o aplicativo, que já tinha sido desinstalado de muitos celulares, voltasse à ativa novamente. E tudo isso graças ao marketing de influência! Quer entender por quê?

snapchat filtro bebê

 

O MAU é um evento de aprendizagem focado em aplicativos que acontece em Las Vegas. Esse evento reuniu mais de 2.500 líderes de marcas para dispositivos mobile e um dos assuntos apresentados durante as palestras foi o marketing de influência (MI). Principalmente, como o MI pode conduzir as pessoas a ações complexas.

Já pensou sobre isso?

Quando falamos sobre ações complexas, nos referimos a tudo que ultrapassa a facilidade do one-click (quando basta apenas um clique para termos aquele filtro novo, aquele app ou para acessarmos qualquer outra ferramenta). Significa que nós estamos dispostos a dar muito mais do que um clique – às vezes passar por tutoriais de várias etapas – para ter acesso a alguma novidade tecnológica.

A volta do Snapchat é um grande exemplo disso. O app voltou para a lista de aplicativos mais baixados na semana passada e ainda está em primeiro lugar do top apps gratuitos da Apple Store.

Várias pessoas que já haviam desinstalado o aplicativo de seus celulares investiram seu tempo para instalá-lo novamente. Mais do que isso, elas buscaram alguns passo-a-passo na internet para descobrir como ter o famoso filtro de bebê e de troca de gênero que todo mundo estava usando. A função usa os recursos de realidade aumentada para detectar e rejuvenescer o rosto das pessoas.

Mas como o isso ocorreu e de forma tão rápida? Como o desejo foi gerado?

A resposta é: por meio da influência. O filtro colocou o app como um dos assuntos mais comentados do Twitter. Além disso, por causa da ordem sortida de filtros do Snapchat (que muda diariamente) algumas pessoas precisavam acessar o perfil de alguns influenciadores para conseguir acessar e copiar o filtro – caso algum amigo não tivesse feito uma publicação usando o filtro também.

Existe uma ferramenta do Marketing Digital chamada CTA (call to action ou chamada para uma ação) que consiste em uma chamada textual ou de imagem que leva uma pessoa a fazer uma ação. O MI, portanto, é capaz de realizar mais que o CTA. Ele passa a estimular o CMA (call to multiple actions ou chamada para várias ações).

Conclusão: o MI deve ser uma das principais estratégias de Marketing Digital para captação de novos usuários de apps por ser capaz de conduzir ações complexas como ir até Store, instalar um aplicativo, configurar um e-mail, fazer login, baixar um filtro, ir até um botão específico, etc.

Cada vez mais, vemos o poder do marketing de influência agir nas redes sociais e isso só comprova o impacto dessa estratégia nos dias atuais.

Nos acompanhe também nas rede sociais: @efeitoorna | @tudoorna