Esse é o segundo post de uma série com inspirações baseadas em CORES e totalmente construído com referência no novo formato de organização do Pinterest do Tudo Orna. Seguindo o molde da primeira postagem, que tinha como destaque o vermelho, agora é a vez do ROSA e suas variantes aparecerem por aqui!

Em 2016, o QUARTZ ROSE foi eleita pela Pantone como uma das cores daquele ano. A partir daí, diversos tons de rosinha ganharam um destaque enorme em diversos setores: design gráfico, decoração, beleza e, como era de se esperar, fashion.

 

 

Existem muitas tonalidades de rosa quando se mistura a cor branca ao magenta ou vermelho. Aos tons de rosa claro são atribuídas conotações ligadas ao amor e ao romantismo. Os tons de rosa escuro estão associados à sensualidade e à sedução. É a cor das emoções, do afeto, da compreensão, do companheirismo e do romance. Representa os sentimentos ligados ao coração, como o amor verdadeiro.

 

 

Graças a essa alta do tom, esse ano foi a vez do MILLENNIAL PINK – também conhecido como rosa blush – bombar pra valer e colocar o tom entre os clássicos dos clássicos. E que sorte a nossa, né? Afinal, tudo que se transforma em atemporal é porque vale o investimento.

Em itens de decoração, por exemplo, existe uma gama infinita de possibilidades para introduzir o rosa em qualquer cômodo da casa. Uma opção versátil é investir em capas de almofada, mantas, colchas e objetos pequenos – que podem ser trocados a qualquer momento.

Mas também vale botar a mão na massa e se jogar em uma parede toda cheia de graça, trabalhada em um rosa que seja agradável aos olhos e, acima de tudo, relaxante – tem uma lá no banheiro do Apartamento 33, inclusive.

Na moda e no design gráfico, a regra funciona igual: ele veio pra ficar. E esse método de organização por cores funciona principalmente para os profissionais dessas áreas (mas isso já falamos no primeiro post desta série).

Assim como na decor, peças adquiridas para o closet são versáteis, de fácil combinação e que não cairão no esquecimento. Tons neutros que casam perfeitamente com ele: cinza, branco e preto. No fim, não existem regras, ele cai bem com escalas mais vibrantes e quem cria as regras da produção é quem vai usar, né?

 

Afinal, se o pink não fosse pra ser atemporal, não seria um dos principais entre as bolsas ORNA e makes da ORNA Concept. A Dé, a Bá e a Ju acertaram em cheio em usá-lo, tanto na identidade visual das marcs quanto nos próprios produtos.

 

E será que ele vai dar pinta lá no ORNA Café também? A Ju já deu pista de que TALVEZ tenha um toque dele sim!

DICA PARA COMBINAÇÕES: a regra é que não existe regra HAHA. À primeira vista, o rosa pode causar um pouco de estranheza, mas é só o hábito de usá-lo. Não é como cores vibrantes, que roubam a cena totalmente – muito pelo contrário. Como dito antes, tons vibrantes são mais que benvindos.

 

++ Veja também: Serenity by ORNA Concept

Tags: , ,
Jéssica Aragão
http://tudoorna.com/
Eu sou a Jéssica, tenho 24 anos, paulistana, viciada em montar boards do Pinterest e apaixonada pelo universo da moda, beleza e decor!