Oi pessu!

Saiu o primeiro vídeo sobre a mastopexia que fiz no final de setembro. Estava ansiosa para contar essa experiência, com certeza mais mulheres desejam realizar essa cirurgia reparadora e espero ajudar com meu relato.

Durante a minha vida toda tive efeito iô-iô, emagrecia e engordava. Meu metabolismo é lento e sempre tenho que cuidar (muito) da minha alimentação. Mas o que isso tem a ver com a plástica dos seios? Por conta disso, tive muita flacidez na mama.

Na época do meu casamento, queria ter realizado essa cirurgia para não ter problemas na hora de escolher o modelo do vestido. Mas, além do casamento, também estava reformando minha casa. Só quem já passou por isso sabe a correira que é organizar tudo ao mesmo tempo. Era impossível, naquele momento, parar  vinte dias para se recuperar de uma plástica.

Cheguei a visitar alguns médicos nesse período mas ainda não estava segura se o resultado ficaria como eu imaginava.

A Cyntia Fontanela, melhor designer do mundo, conseguiu criar um vestido maravilhoso e isso não se tornou um problema pra mim. Mas não é sempre que temos uma super estilista criando nossas roupas, né? No dia a dia, usar blusinhas de alcinha ou qualquer peça que tivesse um corte que exigisse o uso de sutiã, começou a se tornar um problema. Estava “nem aí”, e muitas vezes não usava sutiã mesmo, mas não me sentia 100% confortável, isso começou a afetar minha auto estima.

casamento-ar-livrecuritiba440

No vídeo de 50 fatos sobre mim, revelei que queria operar ainda esse ano. Foi então que conheci o Dr. Leo Fernandes através das migas bloggers Ana, do Moda Custom e da Ale Tonelli do My Little Way.

Veja a serie de vídeos sobre mamoplastia de aumento no canal da Ana 

Acreditava que o problema estava no volume, mas depois da consulta com o Dr. Leo, ele esclareceu que, no meu caso, o que realmente estava me deixando desconfortável era a queda e flacidez. Quando ele simulou meus seios no “lugar que nunca deveriam ter saído” (hehe), achei o tamanho proporcional para meu corpo. Por isso, o ideal seria uma mastopexia com uma pequena redução. Uma coisa importante de esclarecer é que toda mastopexia, essencialmente, é redutora pois durante o procedimento é necessário retirar um pouco de pele e gordura para colocar os seios no lugar. Porém antes da conversa com o meu médico, isso não era muito claro para mim.

Ele também recomendou próteses. Cada casa é um caso, e o médico analisa todas as variáveis para indicar o que melhor para cada paciente. E ai que novas dúvidas começaram a surgir. Na minha cabeça sempre tive uma opinião formada sobre silicone, achava muito artificial e sempre preferia o “antes” da prótese. Quanto mais natural melhor, esse é meu lema.

Então mais uma vez o Dr. Leo me explicou que existem opções para esse procedimento, opções de próteses e todos os prós e contras. Como meu desejo era o mais natural possível, a recomendação foi a implantação de próteses submuscular (por trás do músculo). Por isso eu acredito que uma conversa franca com o médico é essencial para o resultado satisfatório.

Foi então que chegamos a decisão final: mastopexia com próteses 200 ml submuscular.

O pós operatório é super chato. Tive muita dor e muito inchaço na primeira semana. Mas isso é de pessoa para pessoa, já ouvi mulheres que tiveram uma recuperação super tranquila. As minhas dicas para passar por esse fase são:

  • Cuidar da alimentação (evitar sódio e tomar muita água),
  • Não fazer muito esforço com os braços,
  • Não dormir (nunca) de lado,
  • Fazer o uso contínuo do sutiã e da faixa
  • Fazer as sessões de drenagem e ultrassom

Sobre a cicatriz, fiquei muito feliz com o resultado, muito MESMO. Ela ficou fininha e após duas semanas já caíram quase todos os pontinhos. Não tive nenhum problema de rejeição e nenhuma complicação. Algumas pessoas perguntaram sobre a amamentação e a sensibilidade das mamas. O Dr. Leo explicou que costumam ser preservadas mas leva um tempo para voltar. Já estou sentindo o bico do meu seio direito, não é muito comum voltar rapidamente e isso me deixou animada! Acredito que a recuperação vai ser mais rápida do que esperava (tomara) ♡

Vou postar um vídeo só sobre a minha recuperação e cuidados com o pós operatório e, após seis meses, o resultado final.

Não encontrei muitos vídeos sobre mastopexia no Youtube mas adorei o da Camila Vasconcelos, ela fez exatamente o mesmo procedimento que eu. Cada corpo reage de uma maneira por isso é bacaca ouvir outros depoimentos.


Meu médico: Dr. Leo Fernandes

Atende em Curitiba e em Minas Gerais

Contatos: (41) 3029-9422 (41) 9191-5489

O Dr. Leo Fernandes é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, conceituado e muito atencioso, super indico. Ele também fez botox e preenchimento na Bá.

Minha fisoterapeuta: Ana 

Atende em Curitiba no consultório do Dr. Leo e domicílio.

Contato: (41) 3203-7001 (41) 8755-0827

Tags:
Débora
Tenho 1.57, Relações Públicas, especialista em marketing digital que ama dividir inspirações nesse espaço. O Tudo Orna é nossa vida e amamos compartilhar sobre moda, decoração, fotografia e tudo de lindo.